Contabilidade Para Construção Civil

A importância da Contabilidade para Construção Civil

Em média, se gasta até 8% a mais em material do que o necessário devido a perdas

Somos uma Assessoria Contábil especializada em Contabilidade para Construção Civil e em contabilidade para o comércio varejista. Hoje falaremos sobre a importância dos procedimentos contábeis adequados para a construção civil, de modo a evitar perdas desnecessárias e prejuízos financeiros.

O empreendedorismo eficaz deve se atentar sempre para políticas internas econômicas durante os processos produtivos. Os desperdícios e as perdas de materiais por falta de controle de estoque, resultam em perdas financeiras consideráveis.

O setor de construção civil, dada a natureza do negócio, é um segmento onde os desperdícios e as perdas constituem valores significativos. Otimizar o negócio minimizando esses indicadores deve ser a principal tarefa do gestor destas empresas.

Antes de tudo, é necessário saber a diferença entre perdas e desperdícios. A perda tem a ver diretamente com a ineficiência administrativa, são projetos mal dimensionados, custos não calculados que impactam negativamente no resultado final. Quebras, furtos, extravios são outros agentes causadores das perdas em obras.

Desperdício tem a ver com a forma de utilização de seu produto. É a falta de aproveitamento do mesmo, ou o aproveitamento inadequado, falta de conhecimento na hora de usar e etc.

Seja por desperdício ou por perda, o empresário que quer evitar esses impactantes fatores negativos, deve antes de tudo ter um controle de estoque eficiente e uma contabilidade para construção civil apurada e feita em tempo real.

A contabilidade para construção civil como instrumento de auxílio no gerenciamento das perdas e desperdícios

azienda 1

O conceito de perdas na construção civil está intimamente ligado à má utilização de materiais. Se levarmos em consideração que na execução de uma determinada obra, são utilizados além de materiais, equipamentos e mão-de-obra, entre outros, esse conceito pode tomar uma amplitude muito maior.

A falta de gerenciamento correto na gestão de pessoas por exemplo, leva a empresa a sofrer queda de produtividade devido a acidentes, pagamento de horas extras desnecessárias entre outros quesitos importantes.

A má utilização dos equipamentos resultará na quebra e desgaste dos mesmos, assim como a falta de um controle de estoques aliado a um mau dimensionamento do projeto resultará em desperdício de materiais.

O princípio mais importante é conhecer e identificar os fatores que resultam nas perdas. Algumas perdas mais comuns:

  • Perdas naturais
  • Processos inadequados
  • Transporte inadequado
  • Superdimensionamento da obra
  • Acidentes de trabalho.
  • Manutenção de equipamentos inadequados.

A contabilidade para construção civil é uma importante ferramenta de gestão na minimização das perdas decorrentes dos fatores acima elencados. Através de resultantes quantitativos a contabilidade é capaz de informar ao empresário que atitudes tomar para evitar as perdas.

Como instrumentos de gestão contábil temos os relatórios gerenciais e as apurações dos fatos contábeis ocorridos no patrimônio da empresa que são demonstrados através dos seguintes:

  • Balanço patrimonial
  • Balancetes de verificação
  • DRE-Demonstrativos de Resultados
  • DFC-Demonstração dos fluxos de caixa
  • Inventário físico

Através do registro cronológico das movimentações de entrada e saída dos insumos, das receitas e das despesas se efetua o controle gerencial do patrimônio. Quando o empresário analisa a posição de seu estoque em determinado momento, é capaz de vislumbrar se estão ocorrendo ou não desperdícios.

A contabilidade para construção civil é uma contabilidade de custos. Por se tratar de uma terceirização de serviços onde o construtor trabalhará executando obras para terceiros sob empreitada ou as administrando, cada obra terá o seu plano de contas definido e sua apuração contábil individualizada por determinação legal.

Podemos dizer em uma linguagem de fácil compreensão que a finalidade da contabilidade para construção civil é avaliar as despesas confrontando com as receitas e resultando no lucro ou prejuízo empresarial.

Sendo assim o efetivo controle do estoque, é de suma importância na apuração dos custos e na identificação das perdas incorridas durante o processo produtivo dos empreendimentos imobiliários.

Minimizando perdas na construção civil

azienda 2

A “fama” da construção civil é a de ser o setor que maior desperdiça insumos nos processos de execução das obras, portanto, para minimizar as mesmas é necessária a identificação das falhas de gestão.

Após identificados o agente motivador das perdas é necessário efetuar a contenção dos mesmos.

Citamos alguns desses controles que ajudam na contenção das perdas:

  • Fazer um planejamento de gastos bem calculado de forma que não haja falta, originando compras sem orçamento, e nem mesmo sobras durante a execução do projeto;
  • Orçar de forma rigorosa cada insumo solicitado, identificando sempre mais de um fornecedor que reúna qualidade e preço.
  • Controle no recebimento dos insumos, atentando-se para que o recebido esteja de acordo com o solicitado;
  • Estocar os insumos de forma a ser fácil sua identificação, no momento da solicitação do canteiro de obras.
  • Estocar os insumos seguindo padrões de estocagem que visam não adulterar ou quebrar os insumos.

A contenção das perdas representará uma parcela significativa de redução de custos e ganho financeiro no projeto final.

E então, precisa de ajuda? Nós somos especializados em contabilidade para construção civil e queremos te apoiar num maior aproveitamento! Pronto para agendar uma reunião conosco?

Ainda possui alguma dúvida? Que tal entrar em contato com a Nova Azienda?

Somos uma Assessoria Contábil – SP, especialistas no seu negócio para ajudá-lo.

Será um prazer conversar!

Acesse nosso Facebook: @novaazienda.contabilidade

Sucesso e até logo.

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!

Esse post tem um comentário!

  1. Como contabilizar o ganho de capital de uma obra, no caso, pelo programa minha casa minha vida sabendo que tenho um prazo de cinco anos para realizar os possíveis reparos que porventura venham a surgir e fazer o informe correto junto a Receita Federal?
    Inicialmente pode se observar um ganho pequeno mas, geralmente surge algum reparo/conserto a realizar em virtude de falha na elaboração e acabo gastando aquilo que, inicialmente tinha como lucro.

    Certo de sua atenção,
    Aguardo retorno.

    Robson Aires

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *